São Paulo: 55 11 3063-3390
55 11 96394 3477
ENDEREÇOS

EDITORA

título:   A  C  D  E  F  H  M  N  O  P  R  S  autor:   A  B  C  D  E  F  L  M  N  O  P  R  S  T 
 
     

 

gênero: acadêmicos
páginas: 160
formato: 14x21 cm
ISBN: 978-85-62381-35-5


VOLTAR AO PAINEL
 

Riso e utopia

Cláudio Sousa

 
  R$ 36.00
  COMPRAR
O livro de Cláudio R. Sousa, Riso e utopia em Machado de Assis e Paulo Leminski é o resultado de um cuidadoso trabalho de pesquisa, que se desenvolveu de sua Graduação ao Mestrado, na PUC de São Paulo. Isto já atesta a determinação e persistência do estudioso na busca de vias alternativas para a compreensão de obras, uma já consagrada, de Machado de Assis, e outra, a caminho da consagração, que é o romance de de Paulo Leminski. Assim, o autor se dispôs a comparar esteticamente as obras Memórias Póstumas de Brás Cubas (1881), de Machado de Assis e o romance Catatau (1975), de Leminski. As provocações instigantes de ambos os romances - com quase 100 anos de distância um da outro - possibilitaram ao autor encontrar linhas de afinidades e distanciamento entre as obras através da análise comparada da experimentação, da inventividade e do rigor compositivo. Um dos objetivos do trabalho foi mostrar - através dos processos de dialogismo, polifonia e carnavalização ( nas teorias de Bakhtin) - que ambas as obras se inserem numa tradição literária de inventividade e humor, agindo como desagregadoras implacáveis das utopias (respectivamente o fim da utopia romântica e da utopia vanguardista). Cláudio Sousa nos leva à certeza de que, em ambos os momentos históricos, Machado e Leminski nos obrigaram a tirar as "chaves utópicas dos olhos" para que nós, leitores, acompanhássemos a inteligente diluição do que se chamou de gênero romance.

 



LEIA 1 CAPÍTULO