55 11 3063-3390
55 11 942989697
ENDEREÇOS

OFICINAS

     



 

Consultar cursos - Nossos cursos

NO AR ATE 11/01/2017

PRODUÇÃO DE ESCRITA CRIATIVA EM  contos e crônicas
Oficina aos Sábados: Intermediário


HORÁRIO: das 9h30 às 13h00 (com intervalo de 15 min)

CARGA: 15 horas (5 encontros de 3 horas)

NÚMERO DE VAGAS: ATÉ 8 ALUNOS (reserva antecipada por email: editorial@miroeditorial.com.br)

LOCAL: Rua Oscar Freire, 836, cj. 121 (zona azul no entorno)

OBJETIVO: Debate e aperfeiçoamento para autores iniciantes e intermediários, interessados em criar contos e outras narrativas curtas. Haverá escrita e reescrita e textos. Debates e auto-avaliação.  Leitura CRÍTICA de alguns autores consagrados.

DOCENTE: Profª Dra. Márcia Lígia Guidin
Mestre e Doutora em Letras pela FFLCH-SP; Professora Titular aposentada de Literatura Brasileira (UNIP), prof. Convidada de Teoria e Edição de texto (ECA-USP)/ Fundação Emma Klabin/ Miró Cursos e Oficinas. Parecerista e Leitora Crítica. Coach de escritores. Resenhista do Jornal Rascunho. Criadora do Programa "Que tal seu Português?" na Rádio USP. Membro Titular da Academia Paulista de Educação.


PROGRAMA E DATAS (Material Incluso).

6/8/2016
CLAREZA E ORGANIZAÇÃO DE ESTILO PESSOAL  EM  UMA CRÔNICA
A intimidade e informalidade podem atrapalhar ou sempre cativam um leitor? Posso, na crônica, escrever do jeito como falo? Existe um estilo preferido dos leitores? Leitura de uma crônica escolhida.
TRAZER PARA O ENCONTRO UM TEXTO ESCRITO DE ATÉ 15 LINHAS OPINANDO SOBRE A VIOLÊNCIA SEXUAL CONTRA MULHERES.  HÁ DEBATES EM VÁRIOS PAÍSES, INCLUSIVE NA ELOGIADA ALEMANHA; RECENTEMENTE  EVENTO COM MODELO BRASILEIRA. ETC.

3/9/2016  
QUESTÕES PRÁTICAS PARA A ESCRITA DA PROSA EM FORMA DE CONTO:

A pontuação do diálogo; a paragrafação(); o uso coerente do tempo verbal; reticências/ exclamações; estrutura: (começo-meio-fim David Lodge, p 222).
PARA DEBATE: PRIMEIRA PÁGINA DE GRANDE SERTÃO: VEREDAS.

1/10/2016
QUAL A MELHOR ESCOLHA DE FOCO NARRATIVO PARA NARRAR A  HISTÓRIA DE SEU PERSONAGEM
?
1ª Pessoa? 3ª Pessoa? Só diálogos? Intenções do narrador. Cruzamentos contemporâneos (ler trecho de O filho eterno e de O Professor, de Cristôvão Tezza; Valter Hugo Mãe (A máquina de fazer espanhóis). 
TRAZER  LIDO O CONTO “POMBA ENAMORADA OU UMA HISTÓRIA DE AMOR”, DE  LYGIA FAGUNDES TELLES .

05/11/2016
FIGURAS DE ESTILO SERVEM BEM À PROSA OU  SÓ À POESIA?

Quando as figuras de estilo ampliam o imaginário e se tornam entidades culturais que o leitor reconhece ou não. Uso de figuras sintáticas (exemplos de inversão, enumeração, anacoluto, elipse ; figuras gráficas e de sons (exemplos de  aliteração, paronomásia, rimas, assonâncias, trocadilhos); figuras semânticas (metáfora/metonímias); figuras retóricas exemplos de hipérboles, repetição, pleonasmo, antífrases, ironias).
TRAZER LIDO O CONTO “SOROCO, SUA MÃE, SUA FILHA”, DE GUIMARÃES ROSA NO LIVRO PRIMEIRAS ESTÓRIAS (FAREMOS  LEITURA DE TEXTOS DE CHICO BUARQUE DE HOLANDA).

3/12/2016
O TEXTO DE  REALISMO  FANTÁSTICO, O QUE É? A QUE FIM SERVE? AINDA É ATUAL?

Como narrar uma história que sai do mundo natural para adultos? Passeando por Kafka.
Trazer lido: O HOMEM CUJA ORELHA CRESCEU, DE IGNÁCIO DE LOYOLA BRANDÃO.  


VALORES: R$ 660,00  o semestre (Três parcelas de R$220,00 em cheques  pré, de preferência, ou depósito (ago/out/dez).

Inscrições: enviar e-mail com seus dados  para: editorial@miroeditorial.com.br
 
Endereço das aulas: Rua Oscar Freire, 835/121. (Entre Ruas Bela Cintra e Haddock Lobo) Telefone: 11 3063-3390 (Miró Cursos) Márcia Lígia:  11 942989697.



 
 
Miró Editorial